Mulher morre após escova progressiva - Veja os riscos do formol


Lidiane Ferreira dos Santos, 31 anos, faleceu nesta segunda-feira (16) na Ilha Solteira, estado de São Paulo, depois de realizar uma escovação progressiva em um salão de beleza da cidade. Segundo os familiares, a mulher realizou os procedimentos estéticos no dia 6 de dezembro.

Quando Lidiane voltou para casa, começou a sofrer reações como queimaduras, irritação da pele e falta de ar. A vítima foi levada ao hospital regional da cidade nesta quinta-feira (12), onde foi encaminhada à unidade de terapia intensiva sem ser transferida para a Santa Casa de Araçatuba.

De acordo com o relatório da família os médicos disseram que Lidiane tinha muito formol no corpo. De acordo com o atestado de óbito emitido pelo hospital regional, a morte de Lidiane foi devido a parada cardíaca, alergia a produtos químicos, convulsões e hipotensão.

Nenhum comentário